Imagem mostra um notebook com VPN.
Ultima atualização: 4 de junho de 2021

Seja muito bem-vindo! Você já ouviu algumas vezes o termo “VPN”, mas não conseguiu entender exatamente o que ele significa? Hoje é o seu dia de sorte! Esse artigo traz as respostas para todas as dúvidas sobre o assunto!

A VPN pode te dar muita privacidade na navegação e até te ajudar em algumas situações específicas, mas precisa ser usada com cuidado e parcimônia. Fique conosco para entender cada detalhe.




Primeiro, o mais importante

  • VPN é um recurso muito interessante para quem deseja navegar na internet com privacidade, sem deixar rastros.
  • Há VPNs pagas e gratuitas. A melhor ideia é optar pela primeira opção, uma vez que há relatos muito negativos envolvendo serviços da segunda.
  • Além de privacidade e segurança, VPNs ainda possuem alguns usos muito interessantes, como para quem faz home office e quer acessar computadores da rede de uma empresa.

Tudo o que você precisa saber sobre VPN

Como a VPN pode ajudar? Quais são as suas vantagens e desvantagens? Ela é realmente interessante para você? A seguir, todas essas respostas!

Imagem mostra um smartphone usando VPN.

O uso de VPN é ótimo para computadores e smartphones. (Fonte: StefanCoders / Pixabay.com)

Afinal, o que é VPN?

VPN é uma sigla para Virtual Private Network, ou Rede Privada Virtual. Ela tem como principal função proteger os dados de conexão e tráfego na internet.

Ao usar a internet normalmente, você está exposto. Seus dados, como o IP e a localização, estão visíveis para servidores e terminais com os quais seu computador se conecta. Uma VPN funciona como uma espécie de túnel que te “esconde” e faz com que a sua navegação não seja perceptível.

As VPNs são usadas por empresas e por usuários de internet que desejam privacidade e segurança online. Há redes pagas e gratuitas.

Usar VPN é legal?

Existem várias dúvidas sobre a legalidade das VPNs. No Brasil, não existe nenhum tipo de legislação que proíba o uso dessas ferramentas.

Saiba que você não pode cometer nenhum tipo de crime usando VPNs, e que caso o faça, ainda será possível (ainda que mais difícil) a sua identificação.

Mas se você quer usar VPN apenas para ter mais privacidade durante a sua navegação, fique tranquilo: Ao menos no Brasil, não há nada que te impeça legalmente de fazê-lo.

Você sabia que o número de países que proíbem o uso de VPN é bastante grande? Os mais famosos são China, Rússia e Irã.

Como funciona uma VPN?

O seu computador ou smartphone usa um provedor de internet para acessar sites e aplicativos. Basicamente, ele informa a esse provedor que deseja ter acesso aos dados de um site ou aplicativo específico, o provedor consegue a autorização para acesso e repassa os dados ao seu computador.

Toda essa transação de dados é aberta, ou seja, o seu computador é identificado pelo provedor e as informações também chegam ao site.

A VPN é um servidor remoto que oculta todas as informações sobre o seu computador. O seu provedor de internet consegue apenas saber que você está conectado a um servidor remoto, sem ler seu IP ou saber sua localização.

Para usar uma VPN, você deve se cadastrar no servidor da rede privada escolhida. Há opções gratuitas ou pagas. Após terminar esse processo inicial, receberá um endereço. Com ele em mãos, siga os seguintes passos:

Windows:

  1. Abra o menu iniciar e vá em “configurações”.
  2. Selecione “rede e internet” e, em seguida, “VPN”.
  3. Clique em “adicionar conexão VPN”.
  4. Preencha o formulário exibido. Coloque “Windows (interno)” em “provedor VPN” e o endereço gerado pela rede em “nome ou endereço do servidor”. As outras opções, como a forma de acesso, você pode escolher.

Android:

  1. Abra o aplicativo de configurações do aparelho.
  2. Vá em “redes”, depois “avançado”. Clique em “VPN”.
  3. Ele listará os aplicativos de VPN disponíveis em seu smartphone. Basta selecionar um para usar.

Mac:

  1. Abra o menu Apple, depois “preferências do sistema” e “rede”.
  2. Clique no botão “adicionar” e selecione “VPN”.
  3. Escolha o tipo de VPN, dê um nome à conexão e clique em “criar”.
  4. Insira o endereço recebido quando se cadastrou na VPN. Em “ajustes de autenticação”, coloque as demais informações sobre a rede.
  5. Clique em “aplicar” e aperte “OK”.

Quais as vantagens de usar VPN?

Usar uma VPN aumenta muito a segurança de sua conexão. Além de você não estar mais vulnerável a ataques e invasões de hackers, também não deixa rastro em suas navegações, impedindo que seus dados sejam compilados pelos provedores e servidores.

Imagem mostra uma pessoa usando um notebook com VPN.

A navegação com VPN é mais segura. (Fonte: Danny144 / Pixabay.com)

É muito mais eficiente que a navegação em aba anônima, que apenas não grava dados no seu computador.

Servidores VPN gratuitos não são confiáveis.

Porém, servidores VPN gratuitos podem não ser muito confiáveis. Tome cuidado ao usá-los, uma vez que há registros de alguns que roubam e vendem dados dos usuários.

A VPN te permite acessar sites restritos geograficamente, mas por outro lado oculta a sua localização o que pode dificultar o bom funcionamento de alguns serviços.

Para empresas, uma VPN pode permitir que computadores remotos acessem uma rede interna. Com isso, trabalhadores em home office conseguem usar uma rede que seria apenas local sem esse disfarce.

Veja uma tabela com as vantagens e desvantagens de usar VPN:

Vantagens
  • Aumenta a segurança da navegação
  • Impede que seus dados sejam exibidos para terceiros
  • Disfarça a sua localização e permite acessar sites com restrições geográficas
  • Permite acesso a redes locais por computadores remotos
Desvantagens
  • Redes gratuitas podem roubar e vender seus dados
  • Pode dificultar o uso de serviços que pedem geolocalização

Resumo

A VPN disfarça o seu computador e permite que ele acesse sites e aplicativos sem ser identificado. É um ótimo recurso para quem deseja privacidade e segurança, mas deve-se contratar um servidor seguro e confiável.

Ainda há outras vantagens no uso de VPN como permitir o acesso a sites com restrições geográficas e o uso remoto de redes locais.

(Fonte da imagem destacada: StefanConders / Pixabay.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas