Ultima atualização: 22 de abril de 2020

Como escolhemos

8Produtos analisados

10Horas investidas

3Estudos avaliados

44Comentários coletados

Olá, seja muito bem-vindo. Você mora em uma região onde há quedas frequentes de energia? Quer proteger melhor seu computador ou outros itens eletrônicos? Um estabilizador APC pode ser a solução.

Desenvolvido para controlar a tensão que vem da rede elétrica, ele pode evitar danos e até mesmo a queima de produtos ligados na tomada. Acompanhe nossa análise para entender tudo o que é preciso para proteger sua casa.

Primeiro, o mais importante

  • O primeiro passo antes de comprar um estabilizador APC é verificar a tensão elétrica em sua residência. É possível encontrar modelos 110V, 220V ou bivolt.
  • Para maior eficiência e segurança, escolha um que seja, pelo menos, 30% mais potente do que a soma da potência de todos os aparelhos ligados a ele.
  • Existem modelos específicos para computadores, impressoras e outros eletroeletrônicos, então confira as especificações do produto.

Os melhores estabilizadores APC: Nossas recomendações

A APC se destaca no mercado de estabilizadores por contar com produtos de altíssima qualidade e modelos para várias aplicações. Dê uma olhadinha em alguns exemplos que separamos para você.

O modelo ideal para impressoras

Perfeito para manter a segurança de sua impressora laser, o APC Sol 1500 é robusto, para equipamentos que consomem mais energia. Com potência nominal de 1500/1500 (VA/W), ele conta com 6 tomadas NBR e interface com LEDs indicativos.

Para quem gosta de investir no design

Aliando segurança com linhas inéditas e arrojadas, o APC Hexus Power é capaz de estabilizar até mesmo redes elétricas com tensões muito baixas ou altas. Além de 6 tomadas ele ainda conta com saída para carregador de celular. Tudo isso com potência 500/500 (VA/W).

Uma opção mais compacta

O APC Cubic é ideal para quem procura uma opção mais leve e compacta. Ele conta com quatro tomadas NBR, 300/300 (VA/W) e se destaca por sua praticidade, já que ele pode ser usado embaixo da mesa ou até mesmo preso na parede. Seguro, ele é fabricado em plástico antichamas.

Guia de compra

Manter a segurança de aparelhos eletrônicos é uma preocupação comum em nosso dia a dia, afinal, eles custam caro.

Seja por oscilações na potência ou no fornecimento de energia, vivemos constantemente com o risco de danificar um de nossos eletrônicos por alterações na rede elétrica.

Por isso, contar com um estabilizador APC pode fazer toda a diferença para a sua tranquilidade. Confira o nosso guia e descubra o porquê eles são referência no mercado.

Imagem de pessoa jogando no computador

Já imaginou perder uma partida importante por causa de uma oscilação de energia? (Fonte: Sean Do / Unsplash.com)

Como funciona o estabilizador APC?

Assim como o nome sugere, a função do estabilizador é equilibrar a tensão que vem da rede elétrica, agindo como um filtro entre ela e seus aparelhos.

Ele consegue protejer seus equipamentos por possuir chaves seletoras em seu interior para controlar instabilidades e picos de energia. Você pode até mesmo acompanhar o processo em modelos com indicadores luminosos.

Outra parte vital é o fusível. Em casos onde a alteração é muito alta e resultaria em danos, ele queima e interrompe a passagem de energia. Desta forma, ele evita que seus aparelhos recebam uma sobrecarga de energia, evitando danos.

Por isso, não se engane se o estabilizador simplesmente parar de funcionar. Ele provavelmente salvou o dia e uma simples troca de fusível o colocará de volta à ativa.

Quais as vantagens e desvantagens do estabilizador APC?

A maior vantagem aqui é certamente o fato de que os estabilizadores ajudam a evitar prejuízos. Computadores, monitores e impressoras não costumam ser baratos.

Pensando nisso, a APC também produz modelos para vários tipos de demandas, com sistemas de segurança de altíssima qualidade e carcaça produzida com materiais antichama.

No entanto, picos muito altos de energia podem queimar mais que o fusível. Nessa situações, é inevitável, você terá que comprar um novo. E, olhando por esse lado, esse não é um investimento muito barato.

Vantagens
  • Ajudam a evitar prejuízos
  • Modelos para vários tipos de demanda
  • São produzidos em materiais antichama
Desvantagens
  • Picos muitos altos podem queimar mais que o fusível
  • Não é um investimento muito barato

Quais os perigos de ligar o PC direto na tomada?

É preciso ter em mente que o estabilizador foi desenvolvido anos atrás, quando os computadores e outros eletroeletrônicos ainda eram mais suscetíveis a quedas e picos de energias.

Atualmente, as fontes são muito mais modernas e tendem a sofrer menos com esses problemas. Ainda, assim, acidentes acontecem, principalmente se a rede elétrica em sua cidade for mais problemática.

Com um estabilizador, você está apostando em uma segurança extra. Isso é especialmente importante se você tiver um modelo de computador mais antigo.

Qual a garantia oferecida pela APC em seus estabilizadores?

A APC oferece garantia de 12 meses contra problemas de fabricação, o que pode se estender a peças individuais em caso de mal funcionamento.

Em caso de dúvidas, você também pode entrar em contato com a marca através de seu site, completamente em português. Basta realizar seu cadastro para receber atendimento.

Infelizmente, eles não contam com postos de assistência técnica no Brasil, então pode ser preciso esperar por algum tempo em casos de manutenção do seu estabilizador.

foco

Você sabia que a APC também trabalha com nobreaks e outras soluções para controle de energia e refrigeração voltadas para a área de TI?

Critérios de compra: O que analisar antes de comprar um estabilizador APC

Agora que você já descobriu sobre a importância de ter um estabilizador APC, você deve estar pensando: como posso escolher o modelo ideal às minhas necessidades?

Não se preocupe, pois alguns critérios relevantes podem ajudar você a tomar a decisão correta. E para auxiliá-lo, selecionamos os principais fatores a serem considerar antes da compra. Confira abaixo.

Potência

Essa é uma das principais especificações que você deve observar antes de realizar a compra. E ela pode ser mostrada nas especificações do produto em Watts (W) ou Volt-Ampère (VA).

O mais recomendado é não utilizar mais do que 60% da potência para garantir a segurança dos aparelhos e maximizar a vida útil do estabilizados.

Vamos ao um exemplo para que as coisas fiquem mais claras. Se você possui uma impressora de 500W, o recomendado é adquirir um APC com potência de 1000W.

E como muitos modelos possuem várias tomadas, lembre-se de realizar a soma de todas as potências para que não haja o perigo de sobrecarga.

Imagem de impressora Samsung

Impressoras exigem estabilizadores mais potentes. (Fonte: stevepb/ Pixabay.com)

Dimensões

É importante observar as dimensões do estabilizador para que ele se encaixe bem em sua mesa ou bancada.

Quanto mais potente e mais tomadas o estabilizador tiver, maior ele será. E, como eles são mais utilizados com impressoras e computadores, é importante observar as dimensões para que ele se encaixe bem junto da mesa ou bancada.

A APC oferece alguns modelos mais compactos, que podem até mesmo serem presos na parede. Afinal, no chão, há sempre o risco de batermos o pé e desligá-los sem querer.

Os mais robustos costumam ter no máximo 30 cm de altura por 18 cm de largura, enquanto os compactos ficam por volta de 15 cm de altura por 15 de largura.

Número de tomadas

Os estabilizadores ainda são mais usados em conjunto com um PC, então você tem que levar em consideração a tomada dele, do monitor e talvez de uma impressora.

Como mencionamos, modelos mais potentes costumam oferecer mais tomadas de entrada. A APC oferece estabilizadores que oferecem de 4 a 6 tomadas no padrão NBR, seguindo as especificações brasileiras.

Outra vantagem é que muitos também possuem entradas para telefone, linha telefônica e até mesmo entrada USB para que você possa recarregar seu celular e outros gadgets com mais segurança.

magem de pessoa segurando um fio

Evite deixar o estabilizador muito perto da tomada para evitar acidentes em caso de picos de energia. (Fonte: geralt / Pixabay.com)

Material e segurança

Quando estamos lidando com eletricidade, todo cuidado é pouco. Então, a primeira vista, com uma carcaça de plástico, os estabilizadores podem não parecer os aparelhos mais seguros e confiáveis do mundo.

Mas você não precisa se preocupar. A APC utiliza material antichamas para manter a segurança mesmo nas situações mais adversas.

E com o sistema de fusível, mesmo que o aparelho queime, seus eletrônicos continuarão seguros.

Outra dica é ficar atento aos indicadores luminosos e aos sons emitidos pelo estabilizador. Quando existem muitas alterações de tensão, você vai escutar alguns estalos das chaves internas e as luzes também vão piscar.

Isso é muito comum durante chuvas mais fortes, que acabam afetando a rede elétrica. É função do estabilizador dar conta do recado, mas para evitar que ele mesmo queime, uma boa ideia é desligar tudo e esperar o tempo melhorar.

(Fonte da imagem destacada: Artinun Prekmoung/ 123RF.com)

Por que você pode confiar em mim?

Luiza Ferreira Engenheira de Computação
Ter crescido justamente em meio ao grande boom da internet fez com que Luiza se tornasse fã de carteirinha do mundo da informática desde pequena. Estudar engenharia da computação pareceu um caminho natural, e hoje ela tem prazer ao compartilhar seu conhecimento com o público online.